Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Mais vale tarde que nunca

por Henrique Monteiro, em 12.08.15

boa1.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Anos de Cartoons

2008 | 2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015 | 2016 | 2017 | 2018


12 comentários

Sem imagem de perfil

De M Á R I O J O Ã O CASTRO a 12.08.2015 às 09:12

Se o dinheiro anda a voar
de bolso em bolso sem parar
porque não se há-de equipar
os objectos que andam no ar?

Ainda há pouco,poucochinho
venderam 12 destes aviões
foram p'ra Roménia devagarinho
vendidos por 78 milhões !!!

78 : 12 = 6 500 000 milhões
Renovar sistema de captura
27 F-16 x 777 777 = 21 000 000
e esta história ainda dura...

E os Pandur sr. ministro
de tão proveitoso negócio
este governo tão sinistro
rima negócio com ócio...

Se estas contas não perceberam
a ideia era mesmo essa
os "iluminados" entenderam
-"E esta, hein?"Diria o Pessa.

Bem dizia a saudosa Ivone:

"Este país perdeu o tino
a armar ao fino,a armar ao fino
este país é um colosso,
está tudo grosso,está tudo grosso"
Sem imagem de perfil

De FS a 12.08.2015 às 11:01

O sr. está armado em engraçado mentiroso ou em MENTIROSO engraçado?
Sem imagem de perfil

De M Á R I O J O Ã O CASTRO a 12.08.2015 às 11:14

Fica a falar sozinho
quem usa cobarde anonimato
armado em engraçadinho
leva chuto com sapato!
Sem imagem de perfil

De Jorge Flores a 12.08.2015 às 09:18

Pois é, mas esqueceram-se dos 154 milhões que entraram com a venda dos aviões à Roménia, de onde estes 21 devem sair!

É claro, o que interessa é mandar areia para os olhos dos Portugueses e eles gostam!
Sem imagem de perfil

De M Á R I O J O Ã O CASTRO a 12.08.2015 às 10:04

Faça lá as contas certinhas e direitinhas, sem as "colorir":

Onde " Inventou" 154 000 000 ???

Vendidos 12 F- 16 à Força Aérea Romena por 78 000 000, cada um por
6 500 000 ! I N F O R M E - S E !!!Conhece os F-16 Portugueses?

Não há areia em gente INFORMADA e MUITO ESCLARECIDA!!!

...e já agora, CONHECEDORA E SABEDORA...não falou dos Pandur, não convém?A PSP usa o blindado?Pandur Anfíbio para os Fuzileiros, diz-lhe algo?E as LARC têm quantos anos? Sabe o que são, donde vieram, quanto custam a operar?

Nem falando do negócio dos incêndios, que isso então...aviões e helis que custam fortunas, esquemas bem montados...fogo-posto, quantos ganham com isso?Florestas que ardem de noite...hummmmm,luar escaldante!!!

Por falar em areia, o seu camião está atestado dela...

Fazer negócios com dinheiro da almofada dos Portugueses é facílimo!!!Um dia vendem a Força Aérea, a Marinha, o Exército, tudo privatizadinho, aos chinocas...

-Portugal não é a Grécia !!!
Sem imagem de perfil

De Jorge Flores a 12.08.2015 às 10:44

Já vi que a cassete está bem oleada!

Governo romeno anuncia compra a Portugal de 12 aviões F-16

Por Agência Lusa
publicado em 19 Jun 2013 - 16:32

As aeronaves de fabrico norte-americano, destinadas a substituir a frota de aviões Mig-21 da Força Aérea romena, deverão começar a ser entregues a partir de 2015
O Governo romeno anunciou hoje a compra a Portugal por 628 milhões de euros de 12 aviões de combate F-16, noticiou hoje a agência France Press. As aeronaves de fabrico norte-americano, destinadas a substituir a frota de aviões Mig-21 da Força Aérea romena, deverão começar a ser entregues a partir de 2015, de acordo com o ministro da Defesa romeno, Mircea Dusa, citado pela France Press.

Após anos de discussões, o Conselho Supremo de Defesa (CSAT), presidido pelo chefe de Estado, Traian Basescu, autorizou em setembro o lançamento de um programa de renovação da frota de aviões de combate. Com a sua adesão à Aliança Atlântica em 2004, a Roménia comprometeu-se a equipar a sua Força Aérea com 48 aparelhos compatíveis com os da NATO.

Em novembro do ano passado, o ministro da Defesa, José Pedro Aguiar-Branco afirmou que a venda de caças F-16 à Roménia não estava fechada."Não há ainda compromissos assegurados em relação à definição concreta da venda. Há um procedimento que está a ocorrer e quando houver uma situação concreta e definitiva em termos de compromissos assumidos, o país será informado sobre isso", explicou então o ministro, no final de uma visita ao Centro de Formação Militar e Técnico da Força Aérea (CFMTFA), na Ota, Alenquer.

Dez caças F-16 e oito helicópteros PUMA (substituídos pelos EH 101 Merlin) da Força Aérea Portuguesa estão inscritos como alienáveis na Lei de Programação Militar (LPM), segundo o relatório de execução de 2011 a que a agência Lusa teve acesso em abril último. De acordo com o documento, dos oito helicópteros PUMA, quatro estão em condições de venda imediata e a outra metade precisa de "uma profunda manutenção". Acrescenta o relatório que, dos "contactos com diversas entidades internacionais potencialmente interessadas" no ano passado "não foi possível identificar interessados".

Existem ainda dez aviões AVIOCAR inscritos para venda na LPM, mas que já só servem "para fins museológicos". Os outros catorze estão "em condições de voo". Os AVIOCAR foram substituídos pelos novos C-295.


Depois faça-me as contas para os valores apresentados!

Já agora o lucro final é o numero que V. Exa. apresentou, depois de retirados todos os custos.

Sem imagem de perfil

De M Á R I O J O Ã O CASTRO a 12.08.2015 às 11:04

Saber é C O N H E C E R !!! Não é copiar notícias "intoxicadas" !

A p r e n d a, com a vida meu caro!!!

Esse exercício de MANIPULAÇÃO já o conheço desde que me conheço!!!

I N C O R R U P T Í V E L !!! S E M P R E !!!

Pois é...é a VIDA !!! Para uns, colados às laranjas, outros às rosas e os vermelhos todos divididos, blocos para um lado, verdes e vermelhos para o outro...uma maçada!!!Não é V. Exa. que me vai ensinar o que a VIDA me ensinou.Faça contas...à sua vidinha e deixe de ser advogado do diabo,ele não precisa...tem tantos seguidores.

E agradeço a maçada que teve a fazer essas buscas e pesquisas,só para justificar o injustificável. Não preciso disso, a LUZ de D E U S dá-me a Força e a Energia Criativa para ser Feliz em cada dia !!!

Respeitosos cumprimentos e boa sorte nas próximas tentativas...
Sem imagem de perfil

De AP a 13.08.2015 às 08:58

ok. mas o objectivo não é exportar sem importar futilidades?
Sem imagem de perfil

De PBM a 12.08.2015 às 11:04

Mário João Castro, muitos parabéns pela excelente resposta!
Realmente, os negócios escuros e ruinosos em matéria de Defesa Nacional têm dado milhões a ganhar a sinistras personagens, sob um manto de segredo que a matéria inadequadamente permite (matérias classificadas que limitam os poderes de investigação dos OPC´s). Nesta linha o misterioso desaparecimento da documentação relativa à venda de armas ao Irão nos anos 80, durante a guerra Irão-Iraque, dos arquivos do EMGFA, MDN e MNE (ver a Resolução da Assembleia da República n.º 97/2015, de 21/07 a incitar o Governo a abrir um rigoroso inquérito), até ao excelente equipamento pesado de combate a incêndios desenvolvido em Portugal para os C-130 e que apodrece no depósito da FAP, sem nunca ter sido utilizado no terreno por vontade política, dos estranhos negócios com sucateiros (venda de UZI novas e encaixotadas, por exemplo), ou a venda a peso, por tuta e meia de viaturas de valor histórico e comercial muito elevado a "sucateiros esclarecidos" que depois as vendem a coleccionadores e museus estrangeiros, desde o fim de Beirolas até aos dias de hoje (com a alienação, a peso, dos canhões A/A Bofors dos anos 40), isto sem falar das mediáticas negociatas de milhões, que todos (des)conhecemos, mas que desconfiamos de quem se aproveitou com total ausência de sentido de Estado. E tem razão quando refere que os LARC-5, estão a cair de podres. Só temo que, quando se fale da substituição das G-3, dos Allouette III ou dos LARC, e de tanto mais que é urgente, se esteja a falar de futuros casos de corrupção de milhares ou de milhões de Euros. E o que dizer do que este Governo está a fazer com as estranhas e apressadas alienações dos chamados "Prédios Militares", que compreendem Conventos e Palacetes, por exemplo, em locais como a Calçada da Ajuda (com vista para o Tejo) e que o grupo Pestana muito agradece (já ficaram com a Fortaleza da Cidadela de Cascais)... os anéis não estarão a ir depressa demais? Qual a legitimidade de um Governo alienar apressadamente e, muitas vezes, ao desbarato ou com cláusulas danosas para o Estado, a riqueza de um país adquirida durante séculos, e que deveria ser conservada, nem que seja para fazer face a futuras calamidades. Estamos a perder, alegremente, o fundo de maneio para o futuro... mas o que interessa é o futebol!
Sem imagem de perfil

De M Á R I O J O Ã O CASTRO a 12.08.2015 às 11:23

A V E R D A D E é L U Z !!!

E muito mais há para falar, mas neste país existe um conluio de amizades partidárias,em que vozes como a minha são deveras incómodas e muito embaraçosas...nada que não me seja familiar desde muito jovem!

Excelente a sua análise!!!Lúcida e transparente!!!

E sim...o futebol é um poderosíssimo anti-depressivo, que consegue sempre os seus "intentos"!

Bem Haja !!!
Sem imagem de perfil

De Filipe a 13.08.2015 às 00:24

Criticas à parte acho bem o investimento em matéria de defesa nacional.
Espanha já usa como argumento a falta de investimento Português nas forças armadas para ganhar soberania sobre território marítimo. Portugal, pode e deve investir neste aviões, quem acha que não servem para nada nunca estudou aprofundadamente o assunto "Defesa Nacional" e "Soberania".
Tenho dito.
Sem imagem de perfil

De AP a 13.08.2015 às 08:56

Desconhecia por completo essa questão de soberania ser proporcional às forças armadas... a ser verdade... aos olhos não formatados de quem ouve a questão pela primeira vez ... é uma aberração total.

Comentar post



Publicidade


No facebook


Cartoons Família e Desporto






Pesquisar cartoons

  Pesquisar no Blog