Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O parecer da Juíza

por Henrique Monteiro, em 25.08.13

SAPO Notícias

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De xXx a 25.08.2013 às 22:36

Se um dos cônjuges, mulher ou homem, tiver um comportamento de um animal bovino, qual o mal de lhe dar uma "lamparina nas bentas"?

Ainda um dia destes vi um vídeo no youtube de um gajo que estava a acabar a relação com a mulher e ela começou a riscar-lhe o carro todo.
Ele nada fez e algumas pessoas ainda elogiaram a atitude agressiva da mulher.
Já eu acho que ele lhe devia ter dado um estalo por cada risco...
E se fosse o gajo a riscar o carro da mulher, acho que ela tinha o direito de lhe bater também.

Mas se o conjuge (homem ou mulher, não interessa) tiver comportamento de respeito para com o ou a parceira, só um animal é que lhe levanta a mão e esses casos (acima de tudo os repetitivos) deviam ter uma intervenção maior das autoridades e penas bem mais pesadas.

Agora, o que não posso aceitar é que se crie uma sociedade de virgens ofendidas em que um dos cônjuges tenha o direito de encornar o outro, de lhe atirar isso na cara, de lhe riscar o carro, de lhe zerar as contas, de ameaçar com a guarda dos filhos, etc, e depois, se ela lhe levanta a mão, tudo bem, mas se é ele que perde a paciência e lhe levanta a mão, ele é que é o animal...

Comentar post



Publicidade


No facebook





Pesquisar cartoons

  Pesquisar no Blog

Anos de Cartoons

2008 | 2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015