Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Natal é quando um governo quiser

por Henrique Monteiro, em 01.07.11

Publicado em SAPO Notícias

Autoria e outros dados (tags, etc)


11 comentários

Sem imagem de perfil

De arco iris a 01.07.2011 às 11:05

Este aprendiz de feiticeiro. Antes, preocupado com os mais pobres juntamente com o outro tachista das feiras, vem agora com mais um prego para o caixão
TIRAR o que para muitos é para tapar uns buraquitos. O outro é era o pinóquio !!!!!
Sem imagem de perfil

De Ludgi a 01.07.2011 às 12:02

Pessoalmente não o coloquei no poder. Mas fico impressionado com alguém que faz uma campanha a afirmar que os sacrifícios têm limites, que há que cortar na despesa, e depois logo no primeiro dia, pimba, leva no osso!
Sem imagem de perfil

De ESQUERDA a 01.07.2011 às 12:42

Votaram neles, agora fod**-se.
Sem imagem de perfil

De Ora nem mais... a 01.07.2011 às 15:39

Isso mesmo, votaram neles agora aguentem... Já começa a doer???... Tenham calma que o Pedrito ainda só enfiou a cabecinha.
Sem imagem de perfil

De Coperfild a 01.07.2011 às 18:08

Xiça, mas eu não votei nele.......
Sem imagem de perfil

De Não votaste nele... a 01.07.2011 às 23:09

...mas vais comer por tabela.

Isto 'tá bom é p'ra emigrar para países a sério.
Sem imagem de perfil

De Anonymous a 02.07.2011 às 18:50

Então votavas em quem que pudesse ser primeiro-ministro? No "Tio Zé" outra vez?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 03.07.2011 às 11:04

No Tio Zé porquê? Não há mais candidatos?

Votam sempre nos mesmos e depois andam sempre a queixar-se que fica tudo na mesma.

O povinho é mesmo estúpido...

O TrocóPassos havia era de tirar o subsidio de Natal por inteiro, quem sabe assim aprendiam de uma vez por todas.
Sem imagem de perfil

De João a 04.07.2011 às 01:27

Reino Unido:
» Não há subsídio de natal
» Meia dúzia de feriados por ano, todos numa segunda feira
» Não há pontes
» O preço do aluguer de um apartamento em Londres (por exemplo) dá para 3 em Lisboa
» Custo de vida, também em Londres, 'n' vezes mais alto que em Lisboa
» Um trabalhador ganha a volta dos 5/6 libras por hora (atenção aos altos descontos que são obrigados a fazer) num trabalho normal (limpeza, restaurantes, supermercados...)

Não se pode comparar 2 países totalmente diferentes, mas ponho-me a pensar: Os outros, que têm dinheiro e uma boa economia, não descansam nem têm 13ºs meses, pontes ou tantos feriados. Nós que estamos já sem tanga temos isso tudo.

Alguma coisa tem que mudar...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.07.2011 às 04:31

se eu ganhasse o dobro do que ganho também dispensava o 13º...


oficialmente eles não o têm, mas podes crer que em valores absolutos até é maior. está é diluído nos 12 meses do ano, em vez de vir num bolo.




é como a questão da Alemanha nos querer reduzir as férias: oficialmente temos um valor mínimo de dias, mas raras vezes encontras quem tenha mais do que os 22.
já na Alemanha, apesar do valor mínimo ser menor, nos contratos individuais é comum terem 30 dias por exemplo.

aí reside a grande diferença. o tuga, quando estabelece um valor mínimo faz disso a regra, quando deveria ser a excepção, aquilo que é considerado como o mínimo admissível. e o mesmo sucede com os ordenados, nivelamos tudo por baixo.

Comentar post



Publicidade


No facebook





Pesquisar cartoons

  Pesquisar no Blog

Anos de Cartoons

2008 | 2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015